A bela história por trás de Seu Madruga e a Bruxa do 71 foi revelada

Em muitas ocasiões, as relações afetivas que mantemos com outras pessoas, passam a ser verdadeiras experiências incríveis e resultam em uma amizade linda e verdadeira.

Sempre se questionou sobre a relação que existe entre homens e mulheres, uma vez que a sociedade têm a ideia de que uma amizade entre homem e mulher é impossível, pois poderiam estar sempre embasadas em um relacionamento amoroso, no entanto, este não foi o caso de Ramón Valdez (Don Ramón / Seu Madruga) e Angelines Fernández (Dona Clotilde/Bruxa do 71).


A bela história por trás de Seu Madruga e a Bruxa do 71 foi revelada


Muitos de nós se lembram desses personagens incríveis e inesquecíveis do programa do Chaves, que marcou várias gerações.


A bela história por trás de Seu Madruga e a Bruxa do 71 foi revelada


Nesta controversa de amor entre sexos opostos, vemos a vida dos personagens se fundir com seus intérpretes. Quem suspirava quando via o Seu Madruga era Dona Clotilde, mais conhecida como A Bruxa do 71, embora Seu Madruga garantisse que ele não sentiu nada por ela; Nós sempre torcemos pela união dos dois personagens na série, no entanto, infelizmente jamais vimos essas cenas.

Entretanto, fora das telinhas, o amor que Dona Clotilde declarou a Don Ramón  era de uma bela amizade entre Ramón Valdés e Angelines Fernández.



Ramón Valdés e Angelines Fernández


É um tabu pensar que não pode haver amizade verdadeira entre um homem e uma mulher, enquanto esses dois personagens do set mostram que sim, uma amostra disso é o dia do enterro de Ramón Valdés, em 1988, nossa amada Bruxa do 71 ficou mais de duas horas ao lado do caixão de seu inseparável amigo, enquanto suas lágrimas rolavam pelo seu rosto.


Ramón Valdés e Angelines Fernández


No local de trabalho, a personagem interpretada por Fernández poderia dizer que era um amor não correspondido por seu amado tormento Don Ramón, no entanto, fora das telinhas eles se amavam como amigos.

Graças a Don Ramón, nasceu A Bruxa do 71, que junto com os outros personagens fizeram e ainda fazem muito sucesso quando o programa é exibido. Foi ele quem descobriu na amiga o talento para comédia e mexeu os pauzinhos para que ela tivesse um papel no seriado.


Angelines Fernández foi uma guerrilheira…


Angelines Fernández foi uma guerrilheira…


É incrível pensar que a nossa Bruxa do 71 foi uma guerrilheira, sim, acredite ou não, Angelines chegou ao México depois de escapar da Espanha em 1947, pois foi perseguida pela Ditadura de Francisco Franco, enquanto lutava contra a repressão. Em sua chegada ao México, conheceu Valdés que a ajudou em tudo o que podia e uma linda amizade nasceu e perpetuou até o último dia em que viveram.

Infelizmente Angelines Fernández, nunca voltou para a Espanha. Mas no México, ela construiu uma família. Depois da morte de Ramón ela, que já tinha depressão, teve a doença agravada segundo sua filha Paloma. Ela veio a contrair um câncer no pulmão, em decorrência do cigarro e faleceu 6 anos após seu amigo, com 71 anos de idade.

Como você viu nesta linda história de dois personagens, que certamente marcou a infância de muitas pessoas, estava refletida na vida real: a verdadeira amizade entre um homem e uma mulher pode sim existir.




Nenhum comentário :

Postar um comentário



Topo